Segunda-feira, 6 de Fevereiro de 2006
ASSIM FOI A "NOITE" DE 4 DE FEV....

Titulo NPpequeno.jpg 

No passado sábado, em ambiente de Festas de S. Brás (com farturas, carrossel, banda de música, barraquinhas regionais…) teve lugar mais uma Noite de Poesia, desta vez tendo como tema “Tempo de Inverno” (só faltou a chuva!... mas o frio fez bem as honras ao mês!).
Tivemos a presença de quase meia centena de amantes da Poesia.
Vinte cinco poetas declamaram poemas seus ou de autores consagrados.
Sabiam que temos um presidente da Junta de Freguesia que além de pintor também é poeta? E que bem declamou um poema da sua autoria… esperamos por mais, pois para aperitivo aguçou-nos o apetite!
Uma poeta que apareceu na “Noite” pela primeira vez, venceu os medos e declamou em público poesia sua… a salva de palmas foi bem merecida!
O nosso amigo Armindo abriu a Sessão com um poema de João de Deus Ramos com que queria “desafiar” o amigo Zé, só que ele não apareceu…
A Maria Mamede continuou a primar pela ausência (desta vez obrigada pelo médico e por nós!!!!)… oh mulher, vê lá se te tratas de uma vez por todas pois já não me sinto com veia para segurar a Noite de Poesia!!!  Sabes, a tua presença e especialmente a tua voz fazem-nos muita falta.
A Ivone e o Bruno (“Sons do Vento”), apesar dos problemas que tinham, não deixaram de estar presentes… e ainda bem! As suas vozes sempre são mais agradáveis e melódicas que a minha! E quem não se encantou com “Zunia”, da Mamede, na voz da Ivone,  a Guitarra, dos Madredeus, entre outros…
“Poesia na Net” teve a presença dos nossos habituais colaboradores. Os seus trabalhos só não tiveram um destaque mais vigoroso por serem ditos por uma só voz… a minha!
A amiga Maria Esmeralda (a nossa Esmeraldinha) encantou-nos com poemas seus… ahh!!! Tomem nota:
25 de Fevereiro, pelas 21,30 horas, no Salão Nobre da Junta de Freguesia da Senhora da Hora vai fazer o lançamento do seu primeiro livro “Aguarela”.
Os maiores êxitos para este primeiro “rebento”… e nós lá estaremos para te dar o merecido apoio!
A próxima Sessão será no dia 4 de Março, à hora e local habituais, e o tema é : PRIMAVERA (Chegam os Narcisos…)
Escolhi este poema (enviado pela Net) da Maria Mamede e que foi lido por mim, com esta "maviosa" voz…


TEMPO DE INVERNO

Que frio na alma!
Que quente esta dor!
Que encanto,
Que calma
Que benção na alma
Se chega o Amor...
Que doce é o beijo
O abraço ternura
Que quente é o desejo
Dum beijo doçura...
Que frio na alma
No Inverno do amor!
Que frio, que inferno
No tempo de Inverno
Das almas em dor!...

Maria Mamede

Poesia na Net
Maria Mamede
4 Fev. 06



----------------------
Ficam com a mesma música, pois como fui informado pela Netcabo, só a partir do dia 10 deste mês é que terão a funcionar devidamente a webpage…
A música é bonita! Pelo menos eu gosto!!!
-----------------------------------------
José Gomes


 

publicado por zeca maneca às 19:12
link do post | comentar | favorito
|
3 comentários:
De Anónimo a 7 de Fevereiro de 2006 às 08:32
Bom dia Zé,
obrigada por tudo; embora já te tenha dito, quero fazê-lo publicamente, porque mereces. É claro que este obrigada se estende também à Milu.
Obrigada também por colocares este pequeno poema, que não é dos melhores, mas a inspiração às vezes fica cinzenta.
Um beijo enoooooooooooorme para todos.
Maria MamedeMaria Mamede
(http://www.noceuenaterra.blogspot.com)
(mailto:maria.mamede@hotmail.com)
De Anónimo a 6 de Fevereiro de 2006 às 20:46
Gosto de saber que as noites de poesia correm bem:) O poema da Maria Mamede é lindo;) beijoswind
(http://wind9.blogspot.com)
(mailto:sagit_126@hotmail.com)
De Anónimo a 6 de Fevereiro de 2006 às 19:54
Apesar de devidamente justificada não me falta disposição para te dizer que as reuniões de Vermoim são mais que partilhar poesia, lá esquecemos a hora, o aconchego e o calor anfitrião fazem a festa. (isto é, quando não estás a reclamar... rsss). Um abraço da frequentadora que vive em litígio com o frio...vem aí a primavera!
Abração, Syl Sylvia Cohin
</a>
(mailto:mscr@tdf.com.br)

Comentar post

.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Agosto 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
.posts recentes

. Depois de Férias

. Até um dia destes...

. Uma vida sempre a correr....

. Um soneto de Florbela Esp...

. DIA DA MÃE

. Uma viagem virtual por Ti...

. Páscoa...

. Neste dia, aquele abraço!

. O último poema de Victor ...

. Soneto

.arquivos

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

.tags

. todas as tags

blogs SAPO
.subscrever feeds